Será que soubemos o que fomos?
E o que foi toda trajetória
Dessa viagem sem asas
Que em nossa mente revoa...

Somos mares e desertos
Somos risos e choros...
Somos menos do que podíamos ser...
Esse é o livre arbítrio...

Será que tínhamos realmente escolha?
Ou o destino escolheu por nós...
A Coragem requer uma dose de caráter
Será que a mentira sempre foi necessária?

E a hipocrisia tem cara de amiga...
Talvez um dia nós finalmente,
Descobriremos sua outra face.
A dor interna é corrosiva,
Se não arejarmos o pensamento
Ela destrói nossa esperança.

Será que a estrada tinha volta...
E nós perdemos o mapa da felicidade,
Ou será que esse mapa nunca existiu
E a ilusão se veste de luz nas sombras
E te engana ao longo do caminho...
Todo abismo é convidativo
Então pule, ou vire os passos
E recomece de novo...

Autora:
Liê Ribeiro
Paz e luz...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Poema para Gabriel!

Atravessar a Ponte!