Durma filho...
Que seus sonhos sejam reais
E que as estrelas te guiem...
Durma meu filho,


Que eu velarei teu sono
Creia...
Há um mundo além da lua
Onde seu espírito se liberta
E dança, e canta, e brinca e não sofre...


Durma filho,
Não tenho sono,
Temo pela noite quieta
Temo que nunca voltes


Pois teu mundo no além
Com certeza deve ser mágico
Seus olhos buscam o acaso.
O silencio das madrugadas
Faz-me repensar, reavaliar


Orar, orar baixinho
Sem a hipocrisia da repetição,
Quanta dádiva, seu corpo quieto
Durma filho...


A vida acordada sempre te cobrará
Viaja...
Reveja seus amigos...
Mas não me deixa aqui,
Espero-te como quem espera
O milagre do amor eterno...

Acordaste...
Bom dia filho,
seu sorriso menino
Faz-me crê que tiveste
Uma linda noite,

Deus te abençoe meu filho
Agora eu posso adormecer
Segura minha mão fria
A ti caberá meu sono velar!


AutoraLiê Ribeiro
mãe de um rapaz autista

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Poema para Gabriel!

Poema FELIZ ANO NOVO, PARA MEU FILHO, GABRIEL, autista.