Não há tristeza em nossas vidas
Vovó partiu foi preparar o jardim...
Foi descansar da vida
Pesada do corpo frágil...

Mas mesmo na sua diferença
Você disse para ela vovó linda...
E sei que ela viajou com seu carinho...
E que nunca por nós será esquecida...

E nunca se esquecera desse neto sapeca
Que hoje se fez homem...
Somos felizes por sabê-la em nossas vidas.
E se há porque chorar,
Será apenas pela saudade
Que bate em nossos corações.

Vamos relembrar simplesmente
Dos momentos mais alegres
Aqueles em volta da mesa
Aonde você se deliciava,
E eu sorria de vê-los disputando
O último pedaço de bolo...

Eu sabia que era apenas uma brincadeira
E assim nesse dia, que para nós não há sofrimento
Diremos que sempre a amaremos...
E que sua essência em nós se fará presente...
Mesmo na ausência da matéria...
E para ela essa nossa poesia.

Autora
Liê Ribeiro
2/11/2009.

Comentários

  1. Onde ela estiver (talvez aqui pertinho de nós), ela saberá o quanto é amada e lembrada.
    Lindo poema!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Poema para Gabriel!

Atravessar a Ponte!