Eu creio no amor universal,
Como creio no amor verdadeiro
Pois o amor planta vida
Onde a vida já havia desistido de existir.

O amor cava sentimentos perdidos
Em um baú do esquecimento
O amor cria castelos de fantasia
Onde só existia solidão

O amor revive vidas outrora vividas
Em outras terras
O amor reaproxima os distantes
Faz do pesadelo um sonho

O amor reinventa uma nova página
Numa página vazia e em branco
Amor cria poesia, busca-a
No mais profundo cálice
O amor e seu poder
O poder mágico de amar o amor!


Autora
Liê Ribeiro
Paz e luz...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Poema para Gabriel!

Poema FELIZ ANO NOVO, PARA MEU FILHO, GABRIEL, autista.