Estamos aqui!
Eu e você
Os dois cachorrinhos
Deitados ao nosso lado.


Você com o mesmo sorriso,
Ouve atento
A nossa seleção de musicas
Tão antigas
Quanto a sua mãe...

De repente
Você pega em minhas mãos
E começamos a dançar
Quanta magia nesse instante.

Ainda o velho e bonito sorriso
Dessa foto...
Você carrega,
Mas quero crer
Que nada nos fará perder
A semelhança do sorriso
Amo vê-lo em seu rosto

Quanto tempo se passou meu filho!
Sua velha mãe
Percorreu todos os abismos
Mas criou asas o suficiente para não cair...
Voar, voar pelas nuvens da esperança.
Insistir, errar, insistir e errar.


Eis a nossa fórmula.
Eu te abasteço de musica e poesia.
Você me dá aquele abraço
Conquistado em gotas suaves...


Vou te confessar
Que perdi um pouco desse sorriso
Aqui visto.
A vida às vezes arranca-o de nós...


Mas o seu sorriso
Jamais esquecerei.
Ele esta gravado em minha alma.
E o levarei para eternidade

Para mim tudo são dores e poesia
Mas também são sabores e alegria.
Porque para nascer à poesia
Nada se veste de lógica.


Carência é a palavra chave
Não trocaria a paz
Desse nosso mundo tão particular
Por nenhuma liberdade efêmera.


Foram dias obscuros,
Foram dias solitários
Foram medos atrozes
Mas como foi válida
Cada tempestade vencida,

E apesar de envelhecida
Sua mãe ainda resistiu ao tempo,
Dança, e sonha com seu futuro.
Que seja simples na sua concepção
Mas que seja sorridente!


Autora
Liê Ribeiro
Mãe do Gabriel Gustavo/TEA;

Comentários

  1. Coisa linda vcs dois!
    Amo vcs...
    Gabi gatão, vc tá bem??

    ResponderExcluir
  2. Oi Camille tenha sempre nosso amor
    Gabi está bem sim, obrigada querida...
    beijos nossos
    Liê e Gabi

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Poema para Gabriel!

Poema FELIZ ANO NOVO, PARA MEU FILHO, GABRIEL, autista.