POEMA PARA O DIA MUNDIAL DE CONSCIENTIZAÇÃO DO AUTISMO.




Há um levante de consciências
Há uma magia tênue
A cor azul da terra
Em volta de tantas vidas...
O mar de vontades azuis.

Há uma esperança
Antes tão almejada
Há uma delicadeza
Do seu carinho
Envolvendo minha credibilidade.

Antes um oceano todo
Contra nós...
Antes uma luz ofuscada
Pela indiferença dos desatentos.

Hoje...
Tantas almas por nascer
Expectativas por vencer...
Uma voz a sussurrar
Em nossos ouvidos
Caminhem, caminhem
Pois há muitos passos
Que perseguem seus pés.

Quem dera nossa alegria de hoje
Nunca saía de nossa essência
E envolva a todos
Com a luz azul do céu...

É gratificante ouvir sua voz menino
Cantando a esperança da nossa vida
Não pude dar-lhe muito mais que meu amor...
Mas há uma eterna busca
Pelo tesouro guardado em seu coração

Cavo com minhas próprias mãos
O dia a dia...
Essa alegria que vem do seu olhar.
Há um mundo que precisa te abraçar! Eu sei.
Há um estado de quereres.
Quem sabe haverá realmente
Sentido nessa lida, nessa vida.

É lindo demais ver
O contentamento mesmo que breve
Nos rostos de todos os pais
Seres tão invadidos de amor
Para ti, meu azul de mar na manhã de outono.
Meu mundo contigo é azul!

Autora
Liê Ribeiro
Paz e luz
Mãe de um rapaz autista.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Poema para Gabriel!

Poema FELIZ ANO NOVO, PARA MEU FILHO, GABRIEL, autista.