Enamorar a vida!





Eu tentei esquecer
Você num canto
Buscar outros ares
Tomar algumas medidas
Limpar a poeira do tempo
Tentei ouvir o silencio
Deixar somente as sensações
Tomar conta da minha alma

Não pude...
A vida requer ações
Você coloca sempre
Algo a mais a minha história.

A roda gigante que era
Conviver contigo.
Quantas vezes eu tonteei
Dormia imaginando
Como seria o dia seguinte

E se esse dia não chegasse?
Quem seguiria por mim
Carregando suas coisas...

Mas às vezes
Eu preciso ser somente eu!
Antes de ser mãe
Antes de ser filha
Antes de ser alguém

Ser simplesmente essência
E se eu fosse teoria?
No coração de alguém
E se no palco do mundo
Representássemos

Somente o bem querer!
Sem normas,
Sem preconceitos
Sem perfeições impostas

Hoje não temo o amanhã
Hoje espero adormecer
Para sonhar com sua felicidade
Enamorar a vida
Enamorar sua pessoa autista.
Enamorar o amor
Deveria ser a regra, jamais a exceção!

Autora
Liê Ribeiro
Mãe de um rapaz autista.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Poema para Gabriel!

Atravessar a Ponte!