A Particula de Deus!




Daqui de onde estou
Posso contemplar
A chuva raivosa
Querendo varrer o mundo das pessoas
Às vezes acho que seria
O melhor a se fazer

Tanta mazela
Tanta escuridão
A ausência da luz do amor.
Mesmo que não se queira pensar...
Compaixão não se compra
Se doa sem querer nada de volta

É nesses momentos
Que me atenho
Quando persigo a tal felicidade
Que não está nas vitrines
Nem nos passos apresados
Aquele instante de paz e união

E a partícula de Deus
Não está nos átomos
Mas dentro de cada um de nós.
Triste quem não percebe esse fato
E maltrata o seu semelhante

Não respeita seus diferentes
Corrompe seus valores.
Segue acreditando na artificialidade
Dos dias vazios...

Como se a vida fosse tão rasa
Que não valesse a pena reescrevê-la.
Deixa o homem se achar Deus...
Pois na verdade não há
Nenhum segredo a desvendar...

É só tirar as travas do olhar
E abrir os olhos da alma
E lá estará sua face sorridente
Esperando por nossa redenção!

Autora
Liê Ribeiro
Mãe de um rapaz autista.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Poema para Gabriel!

Atravessar a Ponte!